Filtro de carvão ativado: um grande aliado da saúde

Filtro de carvão ativado: um grande aliado da saúde

É um dos produtos mais vendidos na nossa loja online e conquistou os corações dos nossos queridos fregueses. Curiosamente, primeiro costuma despertar uma certa estranheza – “carvão na água?!”.

Não é por acaso que a nossa Rogéria sugeriu que dedicássemos um artigo ao filtro de carvão. Este pequeno filtro que faz milagres (ecológicos).

E não é de hoje que o filtro de carvão “circula” nas garrafas pelo mundo. Esta técnica é usada há séculos pelos (sábios) japoneses.

Se considerarmos a quantidade de garrafas plásticas que são descartadas em todo o mundo por ano (cerca de 46 mil milhões de garrafas de plástico, de acordo com um estudo de outubro de 2017, da Seas At Risk (1) ), já temos um (excelente) motivo para experimentarmos o filtro de carvão ativado.

Um produto 100% natural, obtido a partir da queima (controlada) de ramos de árvores, cascas de coco, restos de cortiça e outras matérias-primas que sejam altamente porosas.

O que faz do carvão um filtro?

É justamente a sua porosidade que faz dele um verdadeiro filtro, que retém partículas, purifica e mineraliza a água, reduz o cloro, equilibra o PH e elimina os possíveis sabores (desagradáveis) da água da torneira.

Imagem: divulgação

Como usar?

Toda a magia acontece quando o carvão estiver pronto para ser colocado num frasco com água. Mas antes disso, precisamos prepará-lo:

  1. Lavar o filtro debaixo da água corrente, escovando-o suavemente para retirar qualquer vestígio de pó, cinza ou fuligem;
  2. Ferver o carvão numa panela com água por 10 minutos;
  3. Depois de arrefecido, colocar (cuidadosamente) o carvão no fundo de um recipiente ou garrafa, preferencialmente de vidro ou inox;
  4. Agora sim, o nosso filtro está preparado para receber e iniciar o processo de filtragem (ecológica) da água.
  5. Após deixarmos o filtro por quatro a oito horas em água, podemos consumi-la Cheers!

Assista ao passo a passo para a preparação do seu filtro de carvão.  


Sinplástico

Quais cuidados ter?

Por ser natural, o carvão requer uma manutenção para que continue a desempenhar as suas funções.

A cada três ou quatro semanas de uso é necessário reativá-lo, tal como fizemos antes do primeiro uso. Basta fervermos por 10 minutos.

Ao realizarmos estas (pequenas) manutenções, o nosso filtro de carvão pode durar até seis meses. 

Imagem: Cláudia Ganhão

As propriedades do carvão ativado não param por aqui, mesmo no final da sua vida útil, podemos aproveitá-lo para outras funcionalidades “extra-filtro”: 

  • Ao colocarmos em sapatos e ténis, minimizamos os odores desagradáveis;
  • São excelentes fertilizantes, as plantas adoram recebê-lo, basta enterrá-lo no vaso;
  • Retém a humidade – uma ótima opção para colocar em armários e gavetas;
  • Por fim, mas não menos importante, podemos depositá-lo no compostor caseiro.

Atenção

O filtro de carvão deve ser utilizado apenas em água potável, o que inclui a de torneira (desde seja própria para o consumo).

Podemos notar a presença de algumas partículas na água, é normal! Elas podem ser ingeridas, são inofensivas para a nossa saúde.

Um agradecimento especial à nossa Rogéria, que, além de ter sugerido o tema, é uma fã do filtro de carvão ativado: “Estar em contexto de loja e aprender constantemente sobre os produtos, dá uma vontade de experimentar tudo! Foi o que aconteceu com o filtro de carvão. O interesse dos fregueses despertou-me a curiosidade, comprei-o há cerca de cinco meses e, desde então, aquele sabor estranho que a água da torneira tinha (às vezes), desapareceu. Estou até tomando mais água”, comenta a nossa Rogéria.

E você já conhecia o filtro de carvão? Se já o tem, notou alguma diferença?

Conte-nos!

Fontes:

(1) https://www.natgeo.pt/planeta-ou-plastico/2019/02/consumo-de-plastico-em-portugal-estamos-no-bom-caminho

Desafio Zero; Sapato Verde; Pulpo.

Deixar comentário

Your email address will not be published.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.