Acessórios

Porta-talheres feito a partir de desperdício têxtil

8,00 €
Descrição:
Porta-talheres em pano, feito a partir de desperdício têxtil. Bolsa tipo envelope com duas tiras de tecido para dar nó e fechar.

Material Produto:
Desperdício têxtil

Origem:
Portugal

Rostos e Histórias:
A Armando Flávio, cuja criação remonta a 1967, concilia sabiamente a tradição e a modernidade. Ao longo destes anos, a Cristina Leite (e a equipa incrível da AF) tem recebido com entusiasmo as nossas ideias e nunca, mas nunca, nos respondeu com um “Não conseguimos”. A resposta foi sempre “vamos tentar”, “vamos para a frente”, “alinhamos”. 

No início da sua atividade, produziam essencialmente sacos em juta que, devido ao seu custo, foram sendo substituídos pelos sacos de ráfia, um produto inovador e, beneficiando da introdução das rareiras (para ventilação do produto), mais acessível.

Além dos sacos de ráfia para o setor da cortiça e agricultura, a empresa tem vindo a desenvolver produtos de juta e de 100% algodão e de algodão de produção biológica. 

A Armando Flávio está connosco desde o início do projeto e começou a produzir os nossos sacos de juta ainda antes da abertura da nossa primeira loja, em 2015. Desenvolveu de forma inovadora soluções específicas para o nosso negócio e para o nosso setor (granel).

Ainda não existem comentários para este produto.

Autentique-se para escrever um comentário. Iniciar sessão